Music Bank in Brazil: como foi

mb1

Dia 7 de junho aconteceu o tão esperado Music Bank in Brazil, no HSBC Arena, no Rio de Janeiro. Semanas antes já haviam fãs dormindo para que pudessem ficar mais próximos dos seus ídolos.

B.A.P, MBLAQ, CNBLUE, M.I.B, INFINITE, Ailee e SHINee eram mais do que esperados pelo público. Inicialmente marcado para as 19:00h, o espetáculo teve seu efetivo início pouco depois 19:20h. Enquanto o pessoal esperava o grande momento, nos telões do local passavam vários clipes das estrelas da noite, o que por sí só já animava todos os fãs, que cantavam, gritavam e aplaudiam. Se já estava emocionante antes mesmo do show começar, imagine como foi ficando durante o show!

Com o anúncio de o maior espetáculo do K-Pop finalmente estar no país do samba e do futebol e os telões serem tomados pelo logo do Music Bank in Brazil. O palco foi inaugurado com uma apresentação especial de samba com várias passistas, numa clara homenagem ao nosso país. Aliás, homenagens ao Brasil é que não faltaram! A primeira por parte de todos os artistas que se apresentariam, foi quando enfim, todos vieram ao palco cantando Vou Deixar, da banda brasileira Skank.

A simpática âncora da KBS Jeon Ji Won ao lado de YoungHwa do CNBLUE e Joon do MBLAQ foram os apresentadores do festival, juntamente com o cantor e ator Fiuk, que se mostrou bastante impressionado com as apresentações dos artistas.

O primeiro grupo a se apresentar foi o B.A.P, que mesmo estando com uma agenda bem apertada e ter chegado praticamente de outro concerto na manhã do dia do show, fez uma apresentação maravilhosa cativando mais ainda seus Babys e certamente transformando todo o público em Baby também!! O grupo abriu sua apresentação com 1004 (Angel), seguindo com One Shot e No Mercy. O mais triste era que agora todos tinham a noção de que seriam apenas três músicas por artista. Depois de toda a alegria com o mini show do B.A.P, era a hora de nos despedirmos dos adoráveis alienígenas, que vão continuar com sua tour Live on Earth, deixando todos nós na torcida para que nos visitem novamente um dia. Expectativas com B.A.P para lá de atendidas, certamente!

E nem dava para ficar triste com a saída do B.A.P, porque logo a maravilhosa da Ailee chegou chegando poderosíssima com U&I. Estonteante, com um carisma incrível e sua voz poderosa impossível não se apaixonar por ela. Segunda vez se apresentando no Brasil, Ailee estava mais do que em casa. Depois, ela cantou I Will Show You e Singing Got Better. Apresentações impecáveis.

Dando sequência ao show, a diva deu lugar a outra adorável surpresa do festival, o M.I.B (Most Incredible Busters), que já estavam no Rio de Janeiro desde a semana anterior ao Music Bank, conhecendo a cidade e fazendo atividades com os fãs. Os quatro garotos do hip-hop entraram ao som de Chisa Bounce, e apresentando Men in Black e Girls Dreams Money (GDM). Com uma sua incrível presença de palco, arrebataram seus Busterz no HSBC Arena. Cumprimentaram em português, além do perfeito “Te amo Brasil” e o “bonita”, este último sendo repetido diversas vezes pelo líder Kangnam. Tendo sido anunciado repentinamente quando todos acreditavam que a lineup já estaria fechada, o M.I.B provou de fato, ser Incredible, tal como seu nome.

Do mesmo modo que o telão apresentou previamente os artistas que viriam a seguir, a hora do MBLAQ chegou, e os primeiros acordes da batida “latina” Monalisa, já foi o suficiente para fazer todo mundo gritar de novo e lá estava novamente as aproximadamente 10 mil pessoas no HSBC Arena cantando junto. E sim, a ansiedade em rever os garotos da J-Tune era grande, afinal quem não se lembra quem foram os primeiros artistas de K-Pop a pisarem no Brasil há 3 anos? SeungHo, Mir, G.O, Thunder e Joon nos cumprimentaram em português e ainda falaram que estavam com saudades! E ainda teve o “Gente gente genteee” do Mir para chamar a atenção, fazer rir e derreter todos os A+ mais do que encantados ali. Também cantaram This Is War e Oh Yeah, a primeira música da carreira. O MBLAQ se despede, mas o Joon fica afinal o MC não pode ir embora!

E quando chegou a vez do INFINITE? A primeira apresentação dos meninos foi com Last Romeo. Pudermos ver ao vivo a perfeita sincronia do grupo com as elaboradas e amadas coreografias. Na sequência, foram apresentadas Paradise e The Chaser. Todos cantando e pulando junto. Aproveito ainda para dizer que a minha garganta foi embora na The Chaser, que era uma das músicas que eu estava com maior ansiedade para ver ao vivo!

Depois dessa incrível Invasão, foi o momento de se deliciar com a presença do CNBLUE. Começaram nos trazendo Can´t Stop, com o piano no palco e tudo. Os Boices foram só felicidade, que só foi aumentando quando cantaram depois I´m a Loner e I´m Sorry. E que pena também que foram só 3 músicas…

Também tivemos ótimas surpresas com os special stages. Um deles foi com o To Heart, a sub-unit formada por Key do SHINee e WooHyun do INFINITE… além de uma fã com eles no palco! Foi sorteada uma fã da pista premier, que teve a sorte de ser disputada pelos dois idols! A fã assistiu a performance de Delicious sentada em um banco no palco, além de ter sido abraçada por eles várias vezes durante a música. Foi um sonho.

A noite estava longe de terminar e ainda prometia bastante. A diva Ailee retornou ao palco, cantando nada menos do que Aquarela do Brasil, com uma apresentação impecável e emocionante, ousando até a arriscar um sambinha, do jeito dela! De fato, foi uma linda homenagem. E não parou por aí, logo depois TaeMin (SHINee), JongHyun (CNBLUE) e Sunggyu (INFINITE), apareceram um a um cantando Garota de Ipanema em português e inglês. Foi lindo, viu?

Em outro special stage, foi a hora de todos torcerem pela seleção coreana na Copa do Mundo, os diabinhos vermelhos do Music Bank invadiram o palco com os chifrinhos, tridentes, toalhas e bolas ao som da música de torcida para a Copa do Mundo.

O grupo mais aguardado da noite era sem dúvidas o SHINee e quando finalmente apareceram, não fizeram por menos, já entrando com o hit Lucifer, com o HSBC Arena todinho cantando junto e até arriscando alguns passinhos, nem que fosse apenas com os braços. Continuaram a apresentação com Ring Ding Dong, o que foi uma surpresa para muitos e fecharam com Why So Serious. Tal como o nome, SHINee brilhou e encantou como prometido, mas com o único porém de estar com um integrante a menos, o que dias depois veio a ser esclarecido: o líder Onew estaria se recuperando de uma cirurgia nas cordas vocais e por isso infelizmente não pôde estar junto com os companheiros.

Como em todo Music Bank, o festival finalizou com todos os artistas de volta ao palco com a clássica Run To You, do DJ DOC.

Foi uma noite incrível, com B.A.P, Ailee. M.I.B, MBLAQ, INFINITE, CNBLUE e SHINee mostrando-se bastante carinhosos com seu público em todos os momentos que estavam no palco. Um espetáculo memorável que deixou saudade e uma ferrenha torcida para que todos os cantores possam voltar um dia com sua própria turnê. E esse foi o espetacular Music Bank in Brazil.

Veja algumas das apresentações feitas especialmente para os brasileiros:

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s