LUNAFLY no Brasil- Parte 1

Às 11 da manhã do dia 18 teve início a coletiva de imprensa com os meninos do LUNAFLY. Além de lindos, Sam, Teo e Yun foram extremamente simpáticos e gentis, respondendo atenciosamente a todas as perguntas. A maioria foi feita em inglês, e respondida por Sam, que tinha o domínio do idioma mas mesmo assim, Yun e Teo também faziam seus comentários. Muitas respostas eram finalizadas com um “obrigado” em português do Teo, fazendo todos rirem. Nem a interrupção barulhenta de um helicóptero passando próximo tirou o bom humor dos meninos que, mesmo surpresos com o som, riram e o Teo ficou apontando para cima. O clima não poderia ter sido melhor, os três meninos encantaram a todos.

Ao final, foi tirada uma foto conjunta do LUNAFLY com a imprensa e os meninos se retiraram, para prepararem-se para o encontro com seus fãs no Fanmeeting e Fansign, a partir das 15h. As filas foram organizadas com antecedência e os staffs dando recomendações sobre o que podia ou não ser feito lá dentro. Muitos fãs que participaram do Fanmeeting também estariam no Fansign, então foi necessário estarem em uma nova fila e com mais recomendações a serem seguidas. Terminando o Fansign, era hora de organizar a fila do showcase e para que os fãs que já encontraram o LUNAFLY mais cedo não ficassem prejudicados por não permanecerem na fila o dia inteiro, a Realize montou um eficiente esquema de pulseiras numeradas que foram sendo distribuídos por ordem de chegada desde a manhã, e o fã que já tinha seu ingresso virtual trocado pelo físico e com a pulseira numerada em mãos, não tinha necessidade de passar o dia em frente ao Clash Club para garantir o seu lugar. E as pulseiras eram diferenciadas para quem tinha o ingresso de pista comum e o de pista VIP, seguindo tudo na devida ordem.

O showcase não sofreu atrasos; a entrada do público começou pouco depois das 17h e até às 19h eram tocados vários sucessos do k-pop, já para esquentar o pessoal, que ia desde músicas de Brown Eyed Girls, LC9, companheiros de agência do LUNAFLY, até B.A.P, Super Junior, 2NE1 e muitos outros. O diretor de marketing internacional da NEGA Network, Robin Choi ainda deixou os fãs mais afoitos querendo saber da quantidade de fãs dos outros grupos da companhia e da possibilidade de trazê-los.

LUNAFLY finalmente subiu ao palco, sendo recebidos com muitos gritos, palmas, lightsticks brilhantes e frenéticos, encantando ainda mais seus Lukies do começo ao fim cantando tanto suas próprias composições quanto os covers que já fizeram. Foram performances cheias de energia, destaque para o hilário momento em que dançaram (ou tentaram!) Abracadabra, das Brown Eyed Girls, tendo a aparição surpresa da integrante JeA quase ao final da música.

Embora tenha havido alguns pequenos problemas técnicos no som em alguns momentos, nada impediu que a mágica do LUNAFLY tocasse a todos dentro do Clash Club, deixando a lembrança de um show inesquecível.

Mais sobre o Fanmeeting, Fansign e o Showcase dos meninos, você ainda vai aqui com a gente, no K-pop Samba Style!

Veja um pouco de como foi o Fanmeeting!

Veja as fotos da coletiva de imprensa e fique ligado nos nossos próximos posts!

Não deixe de visitar nossa galeria com todas as fotos da coletivaaqui ]!!

Fique ligado também na nossa página do Facebook e no nosso Twitter!

Anúncios

4 comentários sobre “LUNAFLY no Brasil- Parte 1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s